NiTfm live

restaurantes

Na nova lanchonete do Parque das Nações há hambúrgueres com sotaque brasileiro

A Brazilian Burger House já tinha um espaço no centro comercial da Portela, mas mudou-se para um espaço com mais visibilidade.
Sã servidos com batata palha.

A ementa está repleta de hambúrgueres, por isso é normal que a chamemos de hamburgueria. Mas Gustavo Nolasca, o responsável pela recente Brazilian Burger House, prefere outro nome. “É uma lanchonete. É assim que chamamos no Brasil a um restaurante só com sandes”, explica à NiT. O projeto já existia há um ano no centro comercial da Portela, mas desde o início de outubro que ganhou uma nova morada no Parque das Nações, em Lisboa.

“Estávamos um pouco escondidos, na cave do centro comercial. Funcionávamos bem, principalmente com o delivery, mas queríamos um espaço com mais visibilidade.” A ideia inicial até era ficar com dois restaurantes, mas depois optou apenas por este perto do Oceanário.

Gustavo Nolasca tem 26 anos e está há quatro em Portugal. Chegou ao País para trabalhar em várias áreas, mas no Brasil já teve espaços ligados à restauração. “Sempre fiz hambúrgueres em casa, só para mim, e um dia pensei que podia fazer disto um negócio.”

Para o novo Brazilian Burger House decidiu aumentar a oferta do menu, mas não deixar de lado o serviço de entregas, que já fazia sucesso na Portela. “Temos as nossas próprias entregas, mas também fazemos através da Uber Eats e da Glovo.”

A ementa cresceu com mais sugestões vegetarianas e saladas, mas a base mantém-se com todos os hambúrgueres a começarem com a letra “X”. Tem o X Simple, só com queijo, fiambre, alface, tomate, milho e batata palha (5€); O X Especial, com ovo, salsicha, queijo, fiambre, tomate, milho e batata palha (6,50€); o X Gemeos, com dois hambúrgueres, ovos, salsichas, bacon, fiambre, queijo e alface (9€); o ou X Bacon, com bacon, queijo, alface, tomate e milho (6€).

Há batidos para acompanhar.

Todos os preços têm incluída uma bebida de lata. Para os miúdos há um hambúrguer mais reduzido só com queijo e batata palha (4€). Pode sempre optar entre um hambúrguer de vaca ou peito de frango, é o que preferir. São servidos em cestos, como também é típico. É para comer à mão, mas se quiser servem talheres, não se preocupe.

Em todos há ainda a hipótese de acrescentar extras. Mais um hambúrguer fica a 2€, salsicha a 1€, queijo a 1€ e ovo a 50 cêntimos. As bebidas são à parte. Os batidos de fruta são uma da melhores sugestões para acompanhar. Acerola, caju, goiaba, manga e maracujá são algumas das opções.

As batatas também são à parte. Tem as mais básicas (2€) ou uma versão com bacon e queijo catupiry (4€). As especiais custam a partir de 5€ e são das mais pedidas. Juntam catupiry, bacon e linguiça calabresa.

Para a sobremesa, o bolo no pote é a sugestão. Têm vários sabores disponíveis. O restaurante tem capacidade para 40 pessoas no interior, mais 10 na esplanada.

Quem manda nisto tudo?

Nome: Gustavo Nolasca
Idade: 26 anos
Hambúrguer favorito: X Tudo
Convença-nos a visitar este espaço: “Aqui come-se um produto fantástico, come-se à brasileira.”

Carregue na galeria para conhecer melhor o novo Brazilian Burger House.

localização, contactos e horários

morada
  • Brazilian Burger House [ver mapa]
    Alameda dos Oceanos, 27A, 3.15.3. A, 1990-197 Lisboa
    1990-197  Lisboa
    localizações
    Lisboa, Parque das Nações
site e redes sociais
horários
  • Das: 12:00
  • Às: 15:00
  • Das: 18:00
  • Às: 00:00
  • Domingos só aos jantares

ficha técnica

tipo(s) de cozinha
Hamburgueria
intervalo de valores
Entre 10€ e 20€