NiTfm live

restaurantes

José Avillez compra café centenário no Porto para abrir novo restaurante

Vai chamar-se Cafeína Downtown e fica no lugar do antigo café Progresso, que foi inaugurado em 1899.

Na fachada do Progresso está escrito: “o café mais antigo do Porto”. A partir do verão é provável que mude para “o novo restaurante de José Avillez”. O grupo do chef, que comprou o grupo Cafeína no passado verão, adquiriu um novo espaço na cidade. O império de José Avillez vai ficar a partir desde verão.

É nessa altura que deverão estar concluídas as obras no café Progresso que passará a chamar-se Cafeína Downtown. A notícia foi avançada esta terça-feira, 8 de janeiro, pelo “Negócios”. O espaço está encerrado desde a altura do Natal — tinha uma nova gerência desde o verão de 2017.

Segundo o jornal “Público”, este foi um dos primeiros espaços da cidade a servir cafés em máquinas da Cimbali — é daí que vem o nome de cimbalino para um expresso no Porto. Torradas e café de saco eram outras das especialidades do Progresso. O objetivo do Grupo José Avillez é transformar este espaço e torná-lo idêntico ao Cafeína, que já existe na Foz.

Terra, Portarossa, Casa Vasco, Panca e Cafeína são os restaurantes que o grupo detém no Porto. Esta é a segunda novidade de José Avillez em 2019 — a primeira para o Porto. Este ano o chef vai abrir em Lisboa um restaurante de comida asiática com dois conceitos.

Carregue na galeria para ver como ficou o Progresso depois da renovação no verão de 2017.