NiTfm live

restaurantes

Fábrica Braço de Prata reabre sem concertos — só com comida

Foi criado um menu especial para ajudar artistas que costumam fazer parte das atuações daquele espaço de Marvila, em Lisboa.
O espaço está fechado e a música não tem data para regressar.

Desde o início de março que a Fábrica Braço de Prata, em Marvila, Lisboa, está encerrada. Assim que fecharam, os responsáveis tinham a ideia de que no início de abril já seria possível voltar à normalidade, só que isso não aconteceu. Ainda assim, decidiram reabrir a partir desta sexta-feira, 3 de abril, mas sem a habitual programação de concertos, apenas com comida e entrega ao domicílio.

O restaurante vai estar aberto para take-away e delivery, através da Uber Eats, entre o meio-dia e as 22 horas. O menu apresenta um prato especial que tem o objetivo de angariar dinheiro para ajudar artistas que costumam fazer atuações na Fábrica Braço de Prata.

Essa sugestão (prato e sobremesa a 7,50€) vai mudar todas as semanas e é sempre divulgada no Facebook e no Instagram do espaço. Nesta primeira semana de reabertura será homenageada Irish Party. 10 por cento das receitas do menu que serão canalizados para o artista.

O restante menu é fixo. Tem as baguetes recheadas, com a de manteiga de alho e mozzarella (4€), a de beringela, pimentos e tofu (4,50€), ou a de pesto com presunto, tomate confitado e mozzarella (5€).

O chili é uma das sugestões.

Nos petiscos pode pedir as bolinhas de alheira (3,50€), as tiras de frango com molho stay (10€), as bolinhas de tofu com cenoura (3,50€), ou os daditos de tapioca com compota de pimenta (5€).

A ementa segue com as saladas, como a de salmão, ovo cozido, alcaparras e azeite (9€); os risottos, como o de frango, presunto e raspas de parmesão (10€); e os hambúrgueres em bolo do caco, como o que junta entremeada, maionese, mostarda e tomate cherry (10€).