NiTfm live

gourmet e vinhos

As lojas do Recheio também vão passar a estar abertas para todos os clientes

Depois da Makro, os espaços grossistas do grupo Jerónimo Martins passam a funcionar para os vários consumidores.
Há 42 lojas em todo o País.

Desde esta segunda-feira, 6 de abril, que os consumidores particulares têm acesso a mais dois grupos de supermercados para comprar bens de primeira necessidade. Depois da Makro, também o Recheio, a cadeia grossistas do grupo Jerónimo Martins, passa a receber clientes particulares e não apenas empresas.

A decisão surge depois de um despacho do governo em que possibilita a estes conceitos servir também de canal de distribuição de artigos para todos os clientes, numa altura em que vários espaços de restauração e hotelaria estão encerrados devido à Covid-19.

Segundo o despacho publicado em “Diário da República” este sábado, 5 de abril, este tipo de espaços “devem adotar, se necessário, medidas para acautelar que as quantidades disponibilizadas a cada consumidor são adequadas e dissuasoras de situações de açambarcamento”.

O Recheio conta com 42 lojas em todo o País. Já a Marko tem 10 espaços de norte a sul e está a funcionar nos mesmos moldes.