NiTfm live

restaurantes

Bowling, surf e escape rooms: nestes restaurantes faz-se muito mais do que comer

Em Lisboa há espaços com várias atividades. Algumas acompanham a refeição, outras são para fazer enquanto espera pelos pratos.
Aqui misturam-se jantares e jogos de escape room.

Longe vão os tempos em que um restaurante era só mesmo isso: um restaurante. Chegaram projetos que juntaram à refeição muitas outras atividades. Primeiro come e depois vai fazer uma partida de bowling; está no meio de uma conta complicada para abrir um cofre enquanto dá umas garfadas numa espetada de camarão; e até há a possibilidade de surfar no meio da cidade. Tudo isto para descobrir em Lisboa.

O The Wave Factory é um dos espaços mais recentes que sugerimos neste artigo. Abriu em Alvalade e é ao mesmo tempo um restaurante, um espaço de cowork e uma pista de ondas para fazer surf. O projeto é de dois franceses, um dos quais é o detentor da patente para o circuito de ondas artificial que trouxe até Lisboa.

Mais antigo é o Beco, o espaço no interior do Bairro do Avillez, no entre o Bairro Alto e o Chiado. Aqui a proposta é fazer uma refeição com um menu de degustação de 12 momentos ao mesmo tempo que assiste a um espetáculo de burlesco.

Já pela Baixa tem um espaço do Escape Hunt que não apenas um restaurante. Aqui é possível jogar vários jogos na mesma loja de um escape room ao mesmo tempo que faz uma refeição. Estão também a organizar especiais para os jantares de Natal das empresas.

Carregue na galeria para conhecer os restaurantes onde não se fazem só refeições.