NiTfm live

Restaurantes

Porto Caco: o pão da Madeira com sotaque (e sabor) do norte

Todos os pregos e hambúrgueres do novo restaurante de Santa Catarina são servidos em bolo do caco. O pão é feito numa padaria de Espinho.
Foto de Elisa Simões

Há invasões que repudiamos, como as francesas. Depois há aquelas que queremos que nunca acabem, como a do bolo do caco em tudo o que é restaurantes. No final de abril foi inaugurado um novo espaço no Porto com hambúrgueres e pregos apenas servidos no típico pão madeirense. Com esta conjugação, Porto e bolo do caco, só se podia chamar Porto Caco.

O novo restaurante fica na Rua de Santa Catarina no lugar de uma antiga casa de chá. O espaço esteve em obras desde o final de dezembro, mas já está a ser pensado há dois anos. Maria Isabel, 54 anos, é a responsável pelo Porto Caco. É um restaurante muito familiar já que o filho, Guilherme Mendes, 23 anos, foi um dos principais impulsionadores do projeto e até criou uma das sangrias que acompanham os pregos e hambúrgueres do restaurante.

Informática e farmácia foram as últimas áreas em que Maria Isabel trabalhou. Sempre cozinhou em casa, mas agora é no Porto Caco que faz as combinações. A carne chega de Arouca, e não vem logo tudo moldado só para colocar na chapa. É no próprio restaurante que a picam, adicionam ingredientes e a colocam na forma ideal para ser cozinhada.

A carne é arouquesa, de um fornecedor de Aroura, e não vem logo tudo moldado só para colocar na chapa

Já o bolo do caco, ao contrário do que possa pensar, não vem da Madeira. É uma padaria em Espinho, de onde a família é natural, que o produz. Os responsáveis até foram à Ilha para aprender as melhores técnicas. Chega todos os dias ao Porto Caco e existem nove opções para o rechear. A maioria são hambúrgueres.

Experimente o Rústico (8€), com carne de novilho, alheira, ovo, espinafres e queijo, o de salmão (8€), também com o bife por eles desfiado, rúcula, cebola roxa e manteiga de alho com coentros, ou o vegetariano (8€), com cogumelos Portobello e legumes salteados em vinho do Porto.

Nos pregos tem o ibérico (8,50€), com bife da vazia, presunto ibérico, queijo cheddar e maiores de manjericão ou o Fungi (8,50€), com bife da vazia, queijo flamengo e cogumelos salteados em vinho do Porto — todos os preços incluem logo batata frita. Com tanta coisa que ali preparam, não estranha que os molhos usados, sumos e sobremesas sejam todas caseiras.

O Porto Caco tem lugar para 24 pessoas no interior. A decoração foi feita com fotos do Porto tiradas por um amigo. Já o logotipo, menus e cartões de visita foram desenhados pela outra filha de Maria Isabel, estudante de comunicação. Pode ainda comer os pregos e hambúrgueres no exterior — têm uma esplanada com 20 lugares.

Carregue na foto para saber mais sobre o PortoCaco.

localização, contactos e horários

morada
  • Rua de Santa Catarina, 591, Porto
site e redes sociais
facebook
www.facebook.com/portocaco/timeline
horários
11h-23h. Fecha segunda ao jantar e domingo todo o dia.

ficha técnica

aceita reservas?
sim