NiTfm live

Teatro e exposições

Lisboa vai ter dois novos museus Berardo

O de arte déco vai ser em Alcântara e a coleção de obras africanas pode ficar no Bairro Alto.

Depois da inauguração do MAAT, Lisboa vai receber mais dois novos museus. O empresário Joe Berardo confirmou esta quinta-feira, 20 de outubro, ao “Público”, que vai abrir um museu de arte déco em Alcântara e outro com a sua coleção de obras africanas, que poderá ficar no Bairro Alto.

“O prédio já está em obras, mas infelizmente tem ainda muita coisa para ser feita”, disse o empresário ao jornal, sobre o edifício do museu que vai abrir em Alcântara, na Rua 1.º de Maio, e que deverá estar concluído nas próximas duas semanas.

“É um espaço de 1800 metros quadrados onde só cabe uma pequenina parte da colecção, muito pequenina mesmo. Precisa de ser muito mexido por dentro para receber o museu e muitas pessoas, mas fiquei surpreendido por perceber que a estrutura, que tem muito ferro, aguenta. É um prédio antigo mas especial.”

Quanto à sua coleção de peças africanas, é possível que fique num novo museu que poderá abrir no Bairro Alto. Joe Berardo é dono de um prédio que fica no número 34 da Rua da Atalaia, e que já foi ocupado pela designer de moda Fátima Lopes.

O empresário recebeu uma oferta de compra do edifício, mas ainda não sabe se vai vender.

“Se a pessoa que quer comprar o prédio não oferecer o valor que eu quero, não vendo. E se não vender, ponho lá a arte africana”, disse Berardo ao “Público”. O espaço no Bairro Alto “está completamente pronto por dentro, com ar condicionado e tudo, só falta pintar por fora”.

“A minha intenção é abrir os dois museus no ano que vem.” Além disso, Joe Berardo está a negociar com o governo a permanência da sua coleção de arte moderna e contemporânea no Centro Cultural de Belém, que está lá desde 2007 e tem um contrato com o Estado de dez anos. O empresário disse que as negociações estão bem encaminhadas para que a coleção fique. Até ao fim do mês vão estar concluídas.