NiTfm live

Teatro e exposições

Roteiro para ver as 10 obras de Vhils em Lisboa

Arranca esta sexta-feira uma exposição com os melhores trabalhos do artista plástico português.

Quase todos os lisboetas provavelmente já passaram por uma obra de Vhils — e muitos deles sem saber. Alexandre Farto é o nome verdadeiro do artista plástico que rapidamente se transformou numa estrela urbana portuguesa. O trabalho de Vhils destaca-se, sobretudo, pelas esculturas de rostos nas paredes dos edifícios.

Esta sexta-feira, 6 de maio, arranca a exposição “Vhils Selected Prints 2006-2016”, na Underground Art Store — que fica no Armazém A da Rua da Cintura do Porto de Lisboa, em Lisboa. A galeria vai apresentar os prints de alguns dos melhores trabalhos de Vhils ao longo dos últimos dez anos.

Apesar de ter começado a pintar com graffiti desde muito cedo, quando tinha 10 anos e morava na Margem Sul, Vhils tem-se virado para outras áreas nos últimos anos, como o design gráfico, a animação e a ilustração. Um trabalho que é cada vez mais reconhecido tanto em Portugal como noutros países. Em 2011, publicou o livro “VHILS Selected Works 2005-2010”, um best of das suas obras, através da editora holandesa Lebowski.

Apesar da internazionalização, Vhils continua muito ligado à Grande Lisboa. Os trabalhos mais reconhecidos estão na capital. Caso do projeto de tributo a Amália Rodrigues, em 2015, que marcou a estreia de Vhils em obras com calçada portuguesa.

Se ainda não os conhece, siga o roteiro da NiT para que não se perca em Lisboa. Carregue na imagem acima para saber onde estão escondidas dez das melhores obras de Vhils na cidade.

tags: lisboa, vhils